quinta-feira, 2 de julho de 2015

Entrevista:MARIANA CAVALCANTE

Biografia Autora:
Mariana Cavalcante, busca na escrita uma maneira de se refugiar do mundo real.
Ama livros de romance e suspense. Sua saga preferida é Fallen da autora Lauren Kate, a qual é a sua maior fonte de inspiração. Mora em Manaus com os pais e irmãs, e passa a maior parte do tempo estudando ou escrevendo.




           1.       Como você começou a escrever? Por quê?
 Pra falar a verdade, eu sempre amei ler, mas jamais imaginei que eu pudesse escrever um livro. A escrita entrou na minha vida de uma forma inesperada, posso dizer que o wattpad me proporcionou isso, eu comecei escrevendo um romance com a minha melhor amiga, no começo eu apenas escrevia em parceria, mas depois de um tempo, uma história invadiu minha mente e eu decidir que já estava na hora de eu fazer algo por conta própria.
Pra mim a escrita é como uma necessidade, eu sempre costumo dizer que as vezes é bom nós mergulharmos nas fantasias de nossa imaginação.
         
           2.       Sua história foi inspirada em algo real? Pessoas? Fatos reais?
Não, a história não foi baseada, ela é totalmente fictícia.
     Quando eu escrevia, eu tentava me por no lugar dos personagens, ficava imaginando o que eu faria se estivesse no lugar deles. Há apenas um personagem que eu inspirei em uma pessoa real, que é a amiga da protagonista, eu a inspirei na minha melhor amiga, e o engraçado é que ela foi a personagem que mais cativou os leitores, com seu jeito divertido, fiel e decidido.
        
          3.       Seu sonho sempre foi escrever? Explique:
Como eu já havia dito, eu jamais me imaginei escrevendo um livro, na verdade meu sonho sempre foi em me tornar uma veterinária, desde pequena eu tenho uma paixão inexplicável por animais, e ainda hoje pretendo seguir essa carreira. Eu tenho a escrita apenas como um hobby.
       
          4.       Você se acha uma autora nova? Inexperiente?
     Tenho apenas 15 anos, acho que a vida ainda tem que me ensinar muito coisa.
         
         5.       Quando escreveu sua primeira história, conto, poesia ou fanfic você achou que estava bom ou pensou “Pode ficar muito melhor”?
    A minha primeira história eu escrevi com a minha melhor amiga, e éramos bem inexperientes,  e ela não chegou a ser finalizada pelo simples fato de que ela podia ficar muito melhor. E acabamos desistindo, para começarmos um novo projeto.
       
        6.     O nome da sua história o que se significa, por que escolheu esse nome?
    Quando comecei a escrever Dark Cinderella, eu tinha pensando em pôr o nome de “A nova Cinderella” (risos), mas depois percebi que já havia muitos filmes com esse nome, então o título “Dark Cinderella” surgiu na minha cabeça, eu fiquei super feliz com a idéia, já que o livro seria uma releitura do conto “A Cinderella”, só que numa forma mais sombria.
    
        7.       O que você espera que aconteça quando lançar seu livro?
    Eu tenho muitas expectativas, mas prefiro deixar tudo nas mãos de Deus. Mas acho que o sonho de qualquer escritor é ver seu livro fazendo sucesso.
      
        8.       Você acha que saberá lidar com as criticas negativas?
    As críticas nos fazem crescer, mas lógico acho que ninguém gosta de receber criticas negativas, mas acho que sem elas, nós nunca saberemos onde erramos. Talvez eu possa ficar um pouco chateada no começo, mas tenho certeza que aprenderei  a lidar com isso.  No ramo que estamos as criticas sempre surgem, no começo elas te destroem, mas depois você passa a usá-las como motivação. As criticas me dirão onde errei, e erros são aceitáveis.
    
        9.      O que você sente quando escreve?                      
    Uma palavra definiria tudo “LIBERDADE”.
   
       10.   Gostaria de dar alguma dica a um escritor iniciante? Ou alguém que gostaria de se tornar um escritor?
    O segredo para escrever bem é: ler, ler, ler...
E acima de tudo, acredite em você mesmo, é difícil no começo, mas se você persistir com toda a certeza você consegue.
Um conselho que recebi de uma escritora que é umas das minhas maiores fontes de inspiração é: Termine suas histórias, termine suas histórias, acredite em mim isso faz uma grande diferença em saber que você concluiu algo.


Links para contato com a Autora:

Curtam a Sinopse de Dark Cinderella




A vida de Lucy Miller nunca fora um conto de fadas, e estava bem longe de ser.
Após a morte de seu pai, a jovem precisou amadurecer, e enfrentar os mal tratos de sua madrasta e irmãs adotivas, que a obrigavam a praticar serviços domésticos dentro de sua própria casa. A sua vida sempre fora a mesma rotina. Escola e trabalho.
A garota achava que seu primeiro dia de aula em seu último ano escolar, seria o mesmo, ser gozada pelos alunos populares e responder bem em todas as aulas, sempre foi assim. Mas a aparição de um novo aluno muda completamente o rumo de sua vida.
Jace Mark, o príncipe que causa o maior alvoroço em toda a escola com a sua recém-chegada, chama a atenção de Lucy logo no primeiro dia de aula, após se esbarrarem.
Desde aquele dia, a garota passara a ter sonhos completamente estranhos, com um jovem de olhos extremamente azuis, a qual ela jamais vira o rosto. Ela passa a descobrir segredos macabros sobre seu verdadeiro eu. E uma maldição que ronda sua família a milênios.
Ela achava que era uma garota normal. Mas estava bem longe disso. Leia se tiver coragem, mas darei apenas um aviso:
Cuidado, nem todos são o que você pensa!


Nenhum comentário:

Postar um comentário