sexta-feira, 3 de julho de 2015

Entrevista: BIANCA

Biografia Autora:
Bianca Aliester, 20 anos, escritora desde 2014, leitora desde que tem 07 anos quando leu "Tem um cabelo na minha terra",

Adora series de livros e de televisão, lê de tudo um pouco, desde romance água com açúcar ate terror.
Sua primeira historia foi publicada no wattpad e sera publicado pela Editora Tribo das Letras pelo selo Metrica.





1.Quando você escreve se imagina como algum dos seus personagens? Quais?

No caso de Fatal, o livro é escrito na visão de todos os personagens, então eu tenho que me colocar no lugar de todos, porem eu me gosto mais de escrever na visão das irmãs Celina e Lucia,  porque apesar de serem fortes e determinadas as duas tem seus conflitos e dramas, eu gosto disso.

2. Você prefere escrever personagens femininos ou masculinos? Por quê?

Bom, eu escrevo os dois, eu quero que meus leitores saibam o lado de cada um na historia, não gosto de imaginar que algo ficou sem explicação porque precisa saber o que o outro personagem pensa.

3. Já escreveu alguma cena, ou sequencia de cenas, que não queria ou que lhe fez sofrer ou ter algum sentimento muito forte?

O final de Fatal rsrsrsr, eu passei três dias pra escrever uma cena, sempre que tentava escrever eu chorava, mesmo depois que consegui escrever ainda chorei por uma semana.

4.            Você já teve alguma ideia para alguma história de uma situação inusitada? Como uma briga real ou vendo pessoas na rua por exemplo?

Já, algumas cenas são baseadas em diálogos e brigam que vejo andando na rua, ate algumas imagens me inspiram.

5. Quanto da sua escrita é inspiração e quanto é trabalho duro?

Creio que meio a meio, todas minhas obras são frutos de ideias que brotaram na minha mente, e flui muito bem, mas com o tempo eu tive que me esforçar muito para manter o livro vivo, tive que fazer bastante pesquisa para não pecar em certas situações.

6. Gostaria que a escrita fosse sua única profissão?

Não, eu pretendo ser psicologa ou professora , acho duas profissões muti bonitas, as duas tem a finalidade de ajudar outra pessoa.

7. Quando lerem a sua história o que quer que as pessoas sintam? Gostaria que se identificassem com seus personagens?

Eu gostaria muito que se identificassem, principalmente as mulheres, quero que todas vejam o quanto pode ser forte, independente e corajosas e mesmo assim não perder seu jeito de ser.

8.Como você se descreveria como autora?

Sou péssima me descrevendo, creio que idealista e minimalista, tento ser simples e direta quando se trata de uma historia, quero atingir o publico de um jeito diferente do que costumamos ver.

9. Você gostaria que seu livro fosse traduzido para outras línguas? O que sentiria se fosse?

Para emoções como essa eu só posso dizer “eu sofreria um mini-infarto”, só de imaginar uma historia minha viajando pelo mundo, em qualquer idioma que seja eu já entro em colapso rsrsr

10.Qual seu maior desafio como escritora?

Ter que ouvir as pessoas que dizendo que não sou capaz e me manter firme, esse é meu maior desafio.


Links para contato com a autora:







Alan um publicitário renomado que sempre gostou de festas, bebidas e mulheres mais novas. Celina,uma sucubo,tem sua vida repleta de luxuria, ela busca em homens o prazer que nunca foi alcançado, o ápice do prazer carnal.


O que deveria ser apenas um simples esbarrão em uma boate se tornou uma confusão de proporções épicas. As pessoas envolvidas simplesmente são duas encrenqueiras que não levam desaforo para casa.  Alan sentiu puro ódio naquela situação, Celina achou tudo muito excitante e diferente.


Depois da noite desastrosa Alan acredita que sua vida seguirá normalmente, porém Celina decidiu conquistá-lo. Como diz o ditado “dois bicudos não se beijam”, entretanto quando o demônio do sexo está diante do homem mais cabeça dura do universo resistir não é uma opção. Venha cair na tentação e descobrir quantos pecados uma mulher pode fazer um homem cometer.


2 comentários: